Artigos

Comunhão | Comunhão Até os Confins da Terra

Texto-base: 1ª João, capítulos de 1 a 5.

Alguns dos significados da palavra comunhão são: ato de realizar ou desenvolver alguma coisa em conjunto e envolve harmonia no modo de sentir, pensar e agir, isto é, envolve identificação. A Palavra de Deus diz que somos “chamados para sermos de Cristo” (Romanos 1:6). Ao se converter ao Senhor Jesus, o ser humano passa a pertencer ao Corpo de Cristo e, através do batismo no Espírito (ato que acontece no momento da conversão) é inserido numa comunidade de outros crentes com o propósito de participar da Igreja. No contexto de igreja local, somos chamados a contribuir com os dons que recebemos do Senhor para a edificação (crescimento) do Corpo de Cristo, daí, a necessidade de comunhão, de compartilhamento de coparticipação. A igreja é um organismo vivo e interdependente (precisamos uns dos outros) 1ª Coríntios 1:9. Na primeira epístola do apóstolo João, temos as condições necessárias para a comunhão; em primeiro lugar é necessário conformidade a um padrão: “…Deus é luz… Se, porém, andarmos na luz…”. Andar na luz só é possível com o perdão dos pecados (vs. 8-10). Uma vez perdoados estaremos aptos a andar na luz; isso diz respeito à conduta de santificação que devemos adotar e que agrada a Deus e testifica perante as outras pessoas que pertencemos a Cristo. No capítulo cinco de 1 João vemos que a santificação envolve pureza mental e moral, justiça e amor fraternal, tendo como consequências:

  • o amor pelos irmãos na fé (vs. 1-3);
  • a vitória dobre o mundo (sistema satânico) vs. 4-5;
  • certeza de vida eterna (vs. 13);
  • libertação do pecado frequente (vs. 18-21).

Gostaria de encerrar com as palavras do pastor Antonio Júnior (pastor auxiliar da Igreja Presbiteriana do Brasil), que em sua página faz uma colocação muito interessante sobre o tema:

“A palavra “comunhão” descrita em no Livro de Atos capítulo 2, vem do grego “koinonia”. É uma palavra muito complicada de se traduzir por causa da sua grande quantidade de significados. Ela pode significar “comunhão”, “socializar”, “comunidade”, e “amizade”.Porém, comunhão significa muito mais do que socializar. Qualquer um pode fazer isso. A verdadeira ideia por trás da comunhão é nos reunirmos para falar das coisas de Deus. E Deus se alegra quando falamos dEle uns com os outros… Comunhão é orar, servir e ajudar em união. E também significa crescer, morrer e ir para o céu em união. É tudo o que fazemos juntos como família de Deus. Comunhão com Deus e comunhão uns com os outros são coisas que caminham unidas. Quando você anda com Deus, você quer estar com pessoas de Deus. E se você não quer estar com pessoas de Deus, talvez não esteja caminhando com Ele como imagina. Lembre-se: quanto mais próximo você está do Senhor, mais próximo você estará das pessoas de Deus e mais vai querer influenciar outras pessoas a entregarem suas vidas a Ele.”

Que Deus nos ajude a viver em comunhão para que nossa alegria seja completa. (1ª João 1:4).