Artigos

Missionários Mirins | Missionários Mirins Até os Confins da Terra

Ao pensarmos em jovens e crianças usadas por Deus, nos relatos bíblicos – José no Egito – Daniel e seus amigos em Babilônia – a menina serva de Naamã e do próprio Jesus no templo quando tinha apenas 12 anos, notamos que por trás do testemunho dos pequeninos, havia pais comprometidos com o Reino de Deus. Homens e mulheres obedientes aos mandamentos e ordenanças contidos na Palavra de Deus, tais como:

  • …Tu as inculcarás aos teus filhos… Dt 6: 1-9.
  • Ensina a criança no caminho em que deve andar… Pv 22: 6.

Pais que dão o exemplo de vida consagrada ao Senhor, comprometidos com a verdade e que buscam a santidade de vida. Não há como fazer de nossas crianças missionários de Jesus sem ensiná-las a ter um relacionamento pessoal com Ele; e isto deve começar no ambiente do lar e estender-se aos estudos específicos na Escola Bíblica Dominical, todos os domingos. Nossas crianças precisam perceber que Deus é prioridade nas nossas vidas.

Os pais são os responsáveis diretos pela formação moral e espiritual dos filhos, portanto, devem buscar o direcionamento de Deus para não negligenciarem esta sagrada obrigação. Muitos pais modernos procuram terceirizar esta função solene à igreja, aos professores da EBD ou aos pastores. Mas, cabe a eles a função de transformar seus filhos em servos de Cristo, e, por consequência, missionários mirins do Reino de Deus.

Penso que o primeiro passo a ser dado é apresentar Jesus aos filhos antes de apresentá-los ao celular. Uma triste realidade nas igrejas modernas é que nossas crianças praticamente nascem com um celular nas mãos, porém, não conhecem quem é Jesus nem o que Ele fez. Não permita que seus filhos sejam ensinados pelos padrões deste mundo. Mostre a eles que na sua vida a prioridade é o relacionamento com Deus, baseado no estudo contínuo e na obediência à  sua Palavra. Portanto, seja você um missionário dentro de casa para que seus filhos possam tornar-se missionários também.

Lembro-me com gratidão de quando meus filhos eram criança, quando todas as noites, antes de dormirem, eu lhes contava as histórias de Jesus e os milagres que Ele fazia e de como Ele é poderoso, misericordioso e socorre aos necessitados. Meu filho mais velho com apenas três anos de idade, já sabia que Jesus é o  Filho de Deus, o seu salvador pessoal, pão da vida, o Rei dos reis, o Senhor dos senhores etc. Pela graça de Deus os dois se converteram a Jesus ainda criança, por volta dos seis anos de idade. Meu sincero desejo é que eles possam reproduzir isso quando se tornarem pais.

Que Deus nos abençoe e aos nossos missionários mirins!